> Página Inicial > Actros

Actros usados - {{$rootScope.tsoSearchWidget.totalSearchCount}} Veículos

O Actros da Mercedes-Benz encontra-se disponível na nossa rede TruckStore. O Actros escreveu história e é, até hoje, o veículo emblemático da Mercedes-Benz Trucks na categoria de pesados.

O Actros foi apresentado em 1996 na Exposição Internacional do Automóvel (IAA). A designação Actros é um modelo de camião da Mercedes-Benz da Daimler AG. Em aspectos importantes, o Actros apresenta uma total inovação. Em particular, a introdução de sistemas electrónicos abrangentes na construção de veículos comerciais foi impulsionada pelo Actros. O Actros tornou-se uma referência em matéria de fiabilidade no domínio de veículos comerciais. As iniciativas em favor da qualidade e as melhorias nos detalhes foram determinantes para que isto acontecesse. Além disso, o Actros alcançou um óptimo volume de vendas.

As inovações na introdução do modelo incluíam, entre outras, a interligação dos dispositivos de controlo no veículo, o sistema de travagem a ar comprimido controlado electronicamente e novos desenvolvimentos da transmissão electropneumática (EPS) para a transmissão “Telligent” com novas caixas de velocidades. Também como inovação, surgem os novos motores da série 500 (V6 e V8) com controlo do motor “Telligent” e sistema flexível de manutenção “Telligent”.

Inicialmente, todos os motores do Actros estavam em conformidade com a norma Euro-2 relativa ao nível das emissões de gases de escape e, mais tarde, com a norma Euro 3. A nova série OM 500 foi introduzida pela primeira vez no Actros e foi designada: OM 501 LA para o motor V6 (de 230 kW (313 cv) com um binário máximo de 1530 Nm a 350 kW (476 cv) com um binário máximo de 2300 Nm) ou OM 502 LA para o motor V8 (de 375 kW (500 cv) com um binário máximo de 2400 Nm a 440 kW (598 cv) com um binário máximo de 2800 Nm). Praticamente todos os motores são constituídos pelos mesmos componentes. Era isto o pretendido e foi tido em consideração na concepção do modelo.

A injecção de combustível através do sistema PDL “bomba-tubagem-injector” é também uma novidade neste modelo. Cada cilindro possui a sua própria bomba de injecção que é conduzida através de uma came da árvore de cames. Trata-se de uma melhoria do princípio das bombas injectoras utilizadas durante décadas.

No Actros foi dada extrema importância à segurança. Por isso, não é de admirar que com a introdução do Actros tenha sido introduzido um novo sistema de segurança. O Actros estava equipado com ABS, ASR e airbag para o condutor, sistemas actualmente disponíveis na grande maioria dos camiões para o trânsito de longo curso. Além disso, foram instalados no Actros, a título opcional, sistemas de controlo de distância, de controlo de estabilidade e assistente de via e de travagem.
O Actros é fabricado na fábrica de Wörth em Rhein e foi considerado em 1997, 2004, 2009 e 2012 “Camião do ano” por um júri internacional constituído por jornalistas especializados.

A versão “Black Edition“ do Actros representou uma edição especial do modelo Actros. Esta edição especial foi restringida a 250 unidades e surgiu em 2005. Este modelo distinguiu-se por equipamentos especiais e uma motorização mais potente.

Os camiões da Mercedes-Benz (Daimler Trucks) fazem parte do sector de camiões da Daimler AG. Este sector inclui as marcas Mercedes-Benz, Fuso, Freightliner, Western Star e Thomas Built Buses.

A Daimler tornou-se num dos maiores fabricantes de camiões do mundo. A fábrica de Wörth, Rhein, é desde 1965 o local de produção mais importante dos camiões da Mercedes-Benz. Em Wörth são fabricados, entre outros, os mais importantes modelos de camiões, nomeadamente o Actros, o Atego e o Axor, o que inclui, de forma pormenorizada, o fabrico de cabinas do condutor e a montagem do veículo.

Em 1896, foi apresentado pelos construtores e fundadores da empresa Carl Benz e Gottlieb Daimler o primeiro camião Mercedes-Benz como camião Daimler da antiga Daimler-Motoren-Gesellschaft (DMG). Até ao início da Segunda Guerra Mundial, Daimler e Benz criaram vários camiões e camiões de plataforma. Actualmente podem ainda ser admirados em museu modelos da década de 30, nomeadamente o Mercedes-Benz Lo 2000 ou o L 1500 a gasogénio.

Como primeiro fabricante, a Mercedes-Benz apresentou no ano de 2004 motores Mercedes-Benz que cumpriam as normas Euro 4 e Euro 5 relativas ao nível das emissões de gases de escape. Com vista a essa conformidade, foi introduzido nos camiões Mercedes-Benz a tecnologia SCR (Selective Catalytic Reduction). Esta tecnologia foi posteriormente adoptada pela maioria dos restantes fabricantes de camiões. O catalisador SCR faz com que, numa reacção química, os óxidos de azoto tóxicos sejam transformados em nitrogénio e vapor de água através da adição de AdBlue. Dessa forma, os gases de escape deixam de ser reduzidos exclusivamente no interior do motor, como era habitual nos motores até ao momento.

No Actros foi dada extrema importância à segurança. Por isso, não é de admirar que com a introdução do Actros tenha sido introduzido um novo sistema de segurança. O Actros estava equipado com ABS, ASR e airbag para o condutor, sistemas actualmente disponíveis na grande maioria dos camiões para o trânsito de longo curso. Além disso, foram instalados no Actros, a título opcional, sistemas de controlo de distância, de controlo de estabilidade e assistente de via e de travagem.

Ofertas Truck actuais sempre através de e-mail.
Cabe-lhe selecionar quais as ofertas a enviar-lhe e a respetiva periodicidade.

Subscrever a TruckLetter
  • Novidade do portfólio
  • Preço reduzido

Directório de camiões - listas de camiões usados